Ofício de Leitura

V. Abri, Senhor, os meus lábios
R. E a minha boca anunciará o vosso louvor.

Ant. Vinde, adoremos o Senhor, que vem salvar o mundo.

Salmo 94 (95)
Convite ao louvor de Deus

Exortai-vos cada dia uns aos outros,
até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).

Vinde, exultemos de alegria no Senhor,
aclamemos a Deus, nosso Salvador.
Vamos à sua presença e dêmos graças,
ao som de cânticos aclamemos o Senhor. (Ant.)

Pois grande Deus é o Senhor,
Rei maior que todos os deuses.
Em sua mão estão as profundezas da terra
e pertencem-Lhe os cimos das montanhas.
D’Ele é o mar, foi Ele quem o fez,
d’Ele é a terra firme, que suas mãos formaram. (Ant.)

Vinde, prostremo-nos em terra,
adoremos o Senhor que nos criou.
Pois Ele é o nosso Deus
e nós o seu povo, ovelhas do seu rebanho. (Ant.)

Quem dera ouvísseis hoje a sua voz:
«Não endureçais os vossos corações,
como em Meriba, como no dia de Massa no deserto,
onde vossos pais Me tentaram e provocaram,
apesar de terem visto as minhas obras. (Ant.)

Durante quarenta anos essa geração Me desgostou,
e Eu disse: É um povo de coração transviado,
que não atinou com os meus caminhos.
Por isso jurei na minha ira:
Não entrarão no meu repouso». (Ant.)

Glória ao Pai e ao Filho
e ao Espírito Santo,
como era no princípio,
agora e sempre. Amen. (Ant.)

Se antes das Laudes já se disse o Ofício de Leitura, começa-se com a invocação inicial comum em todas as Horas:

V. Deus, vinde em nosso auxílio.
R. Senhor, socorrei-nos e salvai-nos.

Glória ao Pai e ao Filho
e ao Espírito Santo,
como era no princípio,
agora e sempre. Amen.

HINO

Ó noite, trevas e nuvens,
Sombras do mundo, deixai-nos;
Eis que vem a Luz do Céu:
Eis que vem Cristo Jesus.

A terra toda se aclara
E as coisas retomam cor
Apenas com a presença
Do astro resplandecente.

Cristo, alegria das almas,
Sede a luz do nosso olhar,
Ouvi a nossa oração,
Guiai os nossos sentidos.

Dissipai a escuridão
Do nosso caminho incerto;
Divino Sol das alturas,
Voltai-nos o vosso rosto.

Nós Vos louvamos Senhor,
Jesus, Filho unigénito,
E ao Pai e ao Espírito Santo,
Agora e por todo o sempre.

SALMODIA

Ant. 1 Na vossa luz, Senhor, veremos a luz.

Salmo 35 (36)
A bondade de Deus e a maldade dos homens

Quem Me segue não anda nas trevas,
mas terá a luz da vida (Jo 8, 12).

A maldade fala ao ímpio no seu coração, *
a seus olhos não existe o temor de Deus,
mas a si próprio se ilude, *
para não descobrir nem odiar a sua iniquidade.

As palavras da sua boca são más e enganosas, *
deixou de pensar com sensatez e de fazer o bem.
Em seu leito maquina a iniquidade, *
anda pelo mau caminho e não se afasta do mal.

Senhor, até aos céus se eleva a vossa bondade *
e até às nuvens a vossa fidelidade.
A vossa justiça é como os montes altíssimos, †
os vossos juízos são como o abismo profundo. *
Senhor, Vós salvais os homens e os animais.

Como é admirável, ó Deus, a vossa bondade: *
à sombra das vossas asas se refugiam os homens.
Podem saciar-se da abundância da vossa casa *
e Vós os inebriais com a torrente das vossas delícias.

Em Vós está a fonte da vida *
e é na vossa luz que vemos a luz.
Conservai a vossa bondade aos que Vos conhecem *
e a vossa justiça aos homens rectos de coração.

Não me calquem os pés do orgulhoso, *
nem me afugente a mão do ímpio.
Sucumbiram os que praticavam a iniquidade *
e, abatidos, não podem levantar-se.

Ant. Na vossa luz, Senhor, veremos a luz.

Ant. 2 Senhor, Vós sois grande, glorioso e invencível.

Cântico Judite 16, 1-2. 13-15
O Senhor, Criador do mundo

Cantavam um cântico novo (Ap 5, 9).

Louvai o Senhor ao som de tamborins, *
cantai ao Senhor ao som da cítara,
cantai ao Senhor um cântico novo, *
exaltai e invocai o seu nome.

O Senhor põe fim à guerra, †
ergueu a tenda no meio do seu povo, *
livrou-me das mãos dos que me perseguiam.
Cantai ao Senhor um novo hino: *
Senhor, Vós sois grande, glorioso e invencível.

Todas as criaturas Vos sirvam, *
porque, à vossa palavra, todas as coisas foram feitas:
enviastes o vosso espírito e tudo foi criado, *
nada poderá resistir à vossa palavra.

Com as águas, ruiriam as montanhas pela base *
e os rochedos fundiriam como cera, na vossa presença; †
mas àqueles que Vos temem sereis sempre favorável.

Ant. Senhor, Vós sois grande, glorioso e invencível.

Ant. 3 Aclamai a Deus com brados de alegria.

Salmo 46 (47)
Deus, rei do universo

Está sentado à direita de Deus Pai
e o seu reino não terá fim.

Povos todos, batei palmas, *
aclamai a Deus com brados de alegria,
porque o Senhor, o Altíssimo, é terrível, *
o rei soberano de toda a terra.

Submeteu os povos à nossa obediência *
e pôs as nações a nossos pés.
Para nós escolheu a nossa herança, *
glória de Jacob, por Ele amado.

Deus subiu entre aclamações, *
o Senhor subiu ao som da trombeta.
Cantai hinos a Deus, cantai, *
cantai hinos ao nosso rei, cantai.

Deus é rei do universo: *
cantai os hinos mais belos.
Deus reina sobre os povos, *
Deus está sentado no trono sagrado.

Reuniram-se os príncipes dos povos *
ao povo do Deus de Abraão.
Porque a Deus pertencem os poderes da terra, *
Ele está acima de todas as coisas.

Ant. Aclamai a Deus com brados de alegria.

LEITURA BREVE  Tob 4, 14-15a.16ab.19
Presta atenção, filho, a todas as tuas obras e sê prudente nas tuas palavras. Não faças a ninguém o que não queres que te façam a ti. Reparte o teu pão com os famintos e os indigentes; e agasalha com as tuas vestes os que não têm com que se cobrir. Dá esmola de tudo o que tens em abundância. bendiz o Senhor em todo o tempo e pede-Lhe que oriente os teus caminhos, para que cheguem a bom termo todos os teus projectos.

RESPONSÓRIO BREVE
V.
  Inclinai, Senhor, o meu coração para cumprir as vossas ordens.
R.  Inclinai, Senhor, o meu coração para cumprir as vossas ordens.
V.  Fazei-me viver segundo a vossa palavra.
R.  Para cumprir as vossas ordens.
V.  Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
R.  Inclinai, Senhor, o meu coração para cumprir as vossas ordens.

CÂNTICO EVANGÉLICO (Benedictus) Lc 1, 68-79

Ant. Tende compaixão de nós, Senhor, e recordai a vossa aliança.

Cântico
O Messias e seu Precursor

Bendito o Senhor Deus de Israel, *
que visitou e redimiu o seu povo
e nos deu um Salvador poderoso *
na casa de David, seu servo,
conforme prometeu pela boca dos seus santos, *
os profetas dos tempos antigos,

para nos libertar dos nossos inimigos *
e das mãos daqueles que nos odeiam,
para mostrar a sua misericórdia a favor dos nossos pais, *
recordando a sua sagrada aliança
e o juramento que fizera a Abraão, nosso pai, *
que nos havia de conceder esta graça:

de O servirmos um dia, sem temor, *
livres das mãos dos nossos inimigos,
em santidade e justiça, na sua presença, *
todos os dias da nossa vida.

E tu, menino, serás chamado profeta do Altíssimo, *
porque irás à sua frente a preparar os seus caminhos,
para dar a conhecer ao seu povo a salvação *
pela remissão dos seus pecados,

graças ao coração misericordioso do nosso Deus, *
que das alturas nos visita como sol nascente,
para iluminar os que jazem nas trevas e na sombra da morte *
e dirigir os nossos passos no caminho da paz.

Ant. Tende compaixão de nós, Senhor, e recordai a vossa aliança.

PRECES

Dêmos graças e louvores a Cristo pela sua admirável condescendência em chamar seus irmãos àqueles que santificou com a graça da filiação divina; e supliquemos dizendo:

Santificai, Senhor, os vossos irmãos.

Concedei-nos, Senhor, a graça de Vos consagrarmos, com coração puro, o princípio deste dia em honra da vossa ressurreição
  e de santificarmos o dia inteiro com trabalhos que sejam do vosso agrado.

Vós que nos dais este novo dia como sinal do vosso amor, para nossa alegria e salvação,
  renovai-nos dia a dia para glória do vosso nome.

Ensinai-nos a descobrir a vossa presença em todos os nossos irmãos
  e a encontrar-Vos sobretudo nos pobres e nos infelizes.

Fazei que durante todo este dia vivamos em paz com toda a gente
  e a ninguém paguemos o mal com o mal.

Pai nosso

Oração

   Ouvi-nos, ó Deus, nosso Salvador, e ajudai-nos a praticar neste dia as obras da justiça e da verdade, para que, vivendo sempre como filhos da luz, dêmos testemunho de Vós diante dos homens. Por Nosso Senhor.

V. O Senhor nos abençoe,
nos livre de todo o mal
e nos conduza à vida eterna.
R. Amen.