Ofício de Leitura

V. Deus, vinde em nosso auxílio.
R. Senhor, socorrei-nos e salvai-nos.

Ant. O Senhor ressuscitou verdadeiramente. Aleluia.

Salmo 94 (95)
Convite ao louvor de Deus

Exortai-vos cada dia uns aos outros,
até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).

Vinde, exultemos de alegria no Senhor,
aclamemos a Deus, nosso Salvador.
Vamos à sua presença e dêmos graças,
ao som de cânticos aclamemos o Senhor. (Ant.)

Pois grande Deus é o Senhor,
Rei maior que todos os deuses.
Em sua mão estão as profundezas da terra
e pertencem-Lhe os cimos das montanhas.
D’Ele é o mar, foi Ele quem o fez,
d’Ele é a terra firme, que suas mãos formaram. (Ant.)

Vinde, prostremo-nos em terra,
adoremos o Senhor que nos criou.
Pois Ele é o nosso Deus
e nós o seu povo, ovelhas do seu rebanho. (Ant.)

Quem dera ouvísseis hoje a sua voz:
«Não endureçais os vossos corações,
como em Meriba, como no dia de Massa no deserto,
onde vossos pais Me tentaram e provocaram,
apesar de terem visto as minhas obras. (Ant.)

Durante quarenta anos essa geração Me desgostou,
e Eu disse: É um povo de coração transviado,
que não atinou com os meus caminhos.
Por isso jurei na minha ira:
Não entrarão no meu repouso». (Ant.)

Glória ao Pai e ao Filho
e ao Espírito Santo,
como era no princípio,
agora e sempre. Amen. (Ant.)

HINO

Jesus, Senhor do perdão,
Da esperança e da alegria,
Fonte de paz e de graça
Para os nossos corações.

Conforto dos pecadores,
Alento de quem Vos reza,
Força de quem Vos procura,
Porque em Vós quer encontrar-se.

Em vosso amor mata a fome,
Em vosso amor mata a sede
Quem, peregrino da terra,
Precisa do vosso abrigo.

Nossas lágrimas são preces,
Nossas lágrimas são gritos,
Dizei, Senhor, à nossa alma:
Sou a tua salvação.

Quando a noite nos envolve,
Ficai connosco, Senhor,
Enchei de luz o silêncio
Das nossas horas de sombra.

Jesus, bondade inefável,
Nunca nos falte na vida,
Senhor, a vossa clemência
E caridade infinita.

Jesus, nascido da Virgem,
Nós Vos louvamos, cantando,
E sempre Vos louvaremos
Na glória do vosso Reino.

SALMODIA

Ant. 1 Jesus clamava, dizendo: Se alguém tem sede, venha a Mim e beba.

Salmo 62 (63), 2-9
Sede de Deus

Criastes-nos para Vós, Senhor,
e o nosso coração não descansa
enquanto não repousar em Vós (S. Agostinho).

Senhor, sois o meu Deus: desde a aurora Vos procuro. *
A minha alma tem sede de Vós.
Por Vós suspiro, *
como terra árida, sequiosa, sem água.

Quero contemplar-Vos no santuário, *
para ver o vosso poder e a vossa glória.
A vossa graça vale mais que a vida: *
por isso os meus lábios hão-de cantar-Vos louvores.

Assim Vos bendirei toda a minha vida *
e em vosso louvor levantarei as mãos.
Serei saciado com saborosos manjares *
e com vozes de júbilo Vos louvarei.

Quando no leito Vos recordo, *
passo a noite a pensar em Vós.
Porque Vos tornastes o meu refúgio, *
exulto à sombra das vossas asas.

Unido a Vós estou, Senhor, *
a vossa mão me serve de amparo.

Ant. Jesus clamava, dizendo: Se alguém tem sede, venha a Mim e beba.

Ant. 2 Vinde a Mim, todos vós que andais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei.

Cântico Dan 3, 57-88.56
O louvor das criaturas

Louvai o Senhor, todos os seus servos (Ap 19, 5).

Obras do Senhor, bendizei o Senhor, *
louvai-O e exaltai-O para sempre.
Céus, bendizei o Senhor, *
Anjos do Senhor, bendizei o Senhor.
Águas que estais sobre os céus, bendizei o Senhor, *
poderes do Senhor, bendizei o Senhor.
Sol e lua, bendizei o Senhor, *
estrelas do céu, bendizei o Senhor.

Chuvas e orvalhos, bendizei o Senhor, *
todos os ventos, bendizei o Senhor.
Fogo e calor, bendizei o Senhor, *
frio e geada, bendizei o Senhor.
Orvalhos e gelos, bendizei o Senhor, *
frios e aragens, bendizei o Senhor.
Gelos e neves, bendizei o Senhor, *
noites e dias, bendizei o Senhor.
Luz e trevas, bendizei o Senhor, *
relâmpagos e nuvens, bendizei o Senhor.

Bendiga a terra o Senhor, *
louve-O e exalte-O para sempre.
Montes e colinas, bendizei o Senhor, *
tudo o que germina na terra bendiga o Senhor.
Fontes, bendizei o Senhor, *
mares e rios, bendizei o Senhor.
Monstros e animais marinhos, bendizei o Senhor, *
aves do céu, bendizei o Senhor.
Animais e rebanhos, bendizei o Senhor, *
homens, bendizei o Senhor.

Bendiga Israel o Senhor, *
louve-O e exalte-O para sempre.
Sacerdotes do Senhor, bendizei o Senhor, *
servos do Senhor, bendizei o Senhor.
Espíritos e almas dos justos, bendizei o Senhor, *
santos e humildes de coração, bendizei o Senhor.
Ananias, Azarias, Misael, bendizei o Senhor, *
louvai-O e exaltai-O para sempre.

Bendigamos o Pai, o Filho e o Espírito Santo; *
louvemo-l’O e exaltemo-l’O para sempre.
Bendito sejais, Senhor, no firmamento dos céus, *
a Vós o louvor e a glória para sempre.

Não se diz Glória.

Ant. Vinde a Mim, todos vós que andais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei.

Ant. 3 Meu filho, dá-me o teu coração, e teus olhos observem os meus caminhos.

Salmo 149
A alegria dos santos

Os filhos da Igreja, novo povo de Deus,
alegrem-se em seu Rei, Cristo Jesus (Hesíquio).

Cantai ao Senhor um cântico novo, *
cantai ao Senhor na assembleia dos santos.
Alegre-se Israel em seu Criador, *
rejubilem os filhos de Sião em seu rei.

Louvem o seu nome com danças, *
cantem ao som do tímpano e da cítara,
porque o Senhor ama o seu povo, *
coroa os humildes com a vitória.

Exultem de alegria os fiéis, *
cantem jubilosos em suas casas;
em sua boca os louvores de Deus, *
em sua mão a espada de dois gumes:

para tirar vingança das nações *
e aplicar o castigo aos povos,
para ligar os seus reis com cadeias *
e os nobres com algemas,
para executar neles a sentença escrita. *
Esta é a glória de todos os seus fiéis.

Ant. Meu filho, dá-me o teu coração, e teus olhos observem os meus caminhos.

LEITURA BREVE Jer 31, 33
Esta é a aliança que estabelecerei com a casa de Israel, diz o Senhor: Hei-de imprimir a minha lei no íntimo da sua alma e gravá-la-ei no seu coração. Eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo.

RESPONSÓRIO BREVE
V. Tomai o meu jugo sobre vós e aprendei de Mim.
R. Tomai o meu jugo sobre vós e aprendei de Mim.
V. Que sou manso e humilde de coração.
R. Aprendei de Mim.
V. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
R. Tomai o meu jugo sobre vós e aprendei de Mim.

CÂNTICO EVANGÉLICO (Benedictus) Lc 1, 68-79

Ant. Pela sua infinita misericórdia, Deus visitou e redimiu o seu povo. Aleluia.

Cântico
O Messias e seu Precursor

Bendito o Senhor Deus de Israel, *
que visitou e redimiu o seu povo
e nos deu um Salvador poderoso *
na casa de David, seu servo,
conforme prometeu pela boca dos seus santos, *
os profetas dos tempos antigos,

para nos libertar dos nossos inimigos *
e das mãos daqueles que nos odeiam,
para mostrar a sua misericórdia a favor dos nossos pais, *
recordando a sua sagrada aliança
e o juramento que fizera a Abraão, nosso pai, *
que nos havia de conceder esta graça:

de O servirmos um dia, sem temor, *
livres das mãos dos nossos inimigos,
em santidade e justiça, na sua presença, *
todos os dias da nossa vida.

E tu, menino, serás chamado profeta do Altíssimo, *
porque irás à sua frente a preparar os seus caminhos,
para dar a conhecer ao seu povo a salvação *
pela remissão dos seus pecados,

graças ao coração misericordioso do nosso Deus, *
que das alturas nos visita como sol nascente,
para iluminar os que jazem nas trevas e na sombra da morte *
e dirigir os nossos passos no caminho da paz.

Glória ao Pai e ao Filho
e ao Espírito Santo, *
como era no princípio,
agora e sempre. Amen.

Ant. Pela sua infinita misericórdia, Deus visitou e redimiu o seu povo. Aleluia.

PRECES

Oremos, irmãos, a Jesus Cristo, manso e humilde de coração, e supliquemos:

   Rei de bondade, tende compaixão de nós.

Jesus Cristo, em quem habita toda a plenitude da divindade,
 fazei-nos participantes da vossa natureza divina.

Jesus Cristo, em quem se encontram todos os tesouros da sabedoria e da ciência,
 fazei-nos conhecer, mediante a Igreja, a multiforme sabedoria de Deus.

Jesus Cristo, em quem o Pai pôs toda a sua complacência,
 tornai-nos ouvintes diligentes da vossa palavra.

Jesus Cristo, de cuja plenitude todos nós recebemos,
 dai-nos com abundância a graça e a verdade do Pai.

Jesus Cristo, fonte de vida e santidade,
 fazei-nos santos e irrepreensíveis na caridade.

Pai nosso

Oração

Concedei, Deus todo-poderoso, que, ao celebrar a solenidade do Coração do vosso amado Filho, recordemos com alegria as maravilhas do vosso amor e mereçamos receber desta fonte divina uma graça mais abundante. Por Nosso Senhor.

V. Ide em paz e o Senhor vos acompanhe. Aleluia, Aleluia.
R. Graças a Deus. Aleluia, Aleluia.